Ela é a cara do Ceará e tão importante na história do Estado que têm dois museus para contar a sua história. A cachaça, uma bebida genuinamente brasileira, tem histórias verdadeiramente interessantes para contar. Conheça os Museu da Cachaça, em Maranguape.

A cachaça traz em seus componentes não só os ingredientes, mas também uma história que leva toda uma tradição. Essa aguardente é feita à base de cana-de-açúcar, leveduras e água, a cachaça é uma bebida destilada genuinamente nacional, com características históricas, culturais e econômicas significativas para o povo brasileiro, principalmente o nordestino.

Museus em Maranguape

O Museu da Cachaça de Maranguape é um casarão histórico construído em meados do século 19.

É muito interessante a visita guiada ao museu, pois mostra equipamentos e utensílios relacionados à a cachaça cearense. O local é um verdadeiro baú de riquezas da história da aguardente e recebe turistas de todo o mundo! Em períodos de alta estação, esse número chega a atingir os 12 mil visitantes.

Uma das atrações do Museu da Cachaça de Maranguape é um tonel gigante de 374 mil litros, o maior do mundo, registrado no Guinness Book. Mas, as atrações do Museu da Cachaça não param por aí, lá dá para aprender e ver todo o processo artesanal de fabricação da cachaça.

Além disso, é feito um passeio entre tonéis de bálsamo e carvalho que guardam cachaça produzida nos anos de 1968 a 1971, além de conhecer os carinhosos apelidos que a bebida possui. Ao todo são mais de 600.

A visita guiada

Para conhecer todo o museu, os turistas são levados por guias que os enchem de risadas e boas histórias sobre a aguardente. As atrações continuam em todo o percurso, onde conhecem a Casa das Bordeiras, a Bodega do Zé (em homenagem a José Sobreira Leite, idealizador e funcionário da produção por 55 anos) uma mini-fazenda; passeios de jardineira, charrete da década de 30, bicicleta e pedalinho; a loja de souvenir e um restaurante com comidas típicas.

No começo do passeio os visitantes ganham um copo de cana de açúcar para se refrescarem e, ao final, há uma degustação da cachaça, onde todos provam pessoalmente um pouco da bebida que tanto ouviram falar.

Essa é a nossa dica de passeio em família! Vale a pena conhecer o museu!